segunda-feira, 30 de março de 2009

diálogo entre cabeças...


Quando, solícita, a vagina se te abre ,por trás, como manda a natureza, como o fazem os animais com cio, como uma ameixa fresca e perfumada e tu olhas para o espelho, embriagado na solidão do pretenciosismo sexista ... quando esboças um sorriso malandro e não tens dúvidas e o espelho sorri-te de volta e estás bem contigo, encaras o problema por trás, com antecipação, agarras a carne convicto que ela derreta como manteiga por entre os teus dedos de homem. E espetas com maldade o teu ferro em brasa e bates com maldade e os espasmos e os dedos marcados no rabo dela e puxas cabelos como se estivesses a segurar as rédeas a uma besta. No fim... o esperma a precipitar-se pelo abismo das suas pernas até aos seus pés,cai e fecunda o chão.
Limpas-te e nunca pensaste no conforto que é estar escondido atrás de uma mulher.

18 comentários:

Gingerbread Girl disse...

Tens falado muito em sexo ultimamente... deves andar aí com alguns problemas mal resolvidos... :p

Quanto ao texto... não gostei. =\ Achei-o demasiado ordinário. Nem o sexo animalesco tem de ser assim tão cru. E se calhar nem tem nada a ver com o texto ser ou não cru.
Simplesmente não gostei.
A imagem não ajuda aliás. Coisinha de filme porno. Not my type... se calhar foi a própria imagem que me fez não gostar... ou talvez não... dunno.


Anyways...

kiss*

R.I.P.per disse...

closed mind |-)

Gingerbread Girl disse...

My mind is open... just not THAT open.

|-)

Pi disse...

Confesso que ao ver a imagem, de repente entrei a medo a ler o texto... Era demasiado explicita tal como as palavras que vinham a seguir! Cruas, animalescas, em duvida se roçava o ordinário, mas sempre espectante no que vinha a seguir, até que o ultimo parágrafo disse tudo..

E gostei bastante. Com a mesma frieza que descreves o homem com instintos animais, fruto dos seus genes, desejos e necessidades fisicas, livre de moral, e de regras, conseguiste expressar, o quão frágil ele consegue ser. O seu lado mais dependente, a necessidade de algo e de alguem, o de se sentir protegido, a sua cobardia, a sua fragilidade..

No fundo importancia de uma mulher na vida de um homem!

Não sei se percebi o texto, mas como mulher até me senti homenageada.. mas isto sou eu..

Beijinhoos

Brown Eyes disse...

Concordo plenamente com a Ginger, a imagem vulgariza o texto. É um diálogo masculino, se fosse feminino seria “between minds” mas, apesar de chocar uma mulher, para ela o sexo nunca é animalesco,nem cru, admito que está muito bem descrito, tão bem que choca e causa repulsa. Closed mind? Maybe.

R.I.P.per disse...

Bem,s sexo é pornografia,entao somos tds pornografos ;)

Minha cara PI,epa,melhor interpretaçao era impossivel.

You score ;) (again)

Brown Eyes disse...

Pi muito bem. Esqueci-me de referir a última parte, que me transmite exactamente o que dizes.Um resumo muito bom. Parabéns.

Gingerbread Girl disse...

Continuo orgulhosamente na minha...

E como disse a Brown Eyes... o sexo para uma mulher não é assim.
Ao ler o texto vi um homem lascivo, bruto e cobarde... o sexo é e será sempre um acto "animal"... mas não tem por isso de ser ordinário. No entanto, o que é ordinário para uns, não o é obviamente para outros.

Se isto faz de mim uma pessoa close minded... so be it.

R.I.P.per disse...

Ok Ginger,qd souberes o q é bom sexo vem ca comentar outra vez |-)

Gingerbread Girl disse...

Comento...

Gingerbread Girl disse...

E comento...

Gingerbread Girl disse...

E comento outra vez...

Gingerbread Girl disse...

Got it? ;)



|-)

R.I.P.per disse...

nope |-)

Pi disse...

Desculpem lá, o sexo aqui é o que menos importa... não é essa a essência do texto! O sexo é só uma permissa, para chegar a um resultado, que não o sexo (repetindo-me), mas sim um homem e as suas vicissitudes! É essa a essência!

E a discussao sobe sexo ordinário, e sexo não ordinario, também me parece uma falsa e tola questão...

Acho que por ser-se mulher não é por isso que nos devemos arrogar da qualidade de o ser, para falar-mos em nome de todas..
O sexo para uma mulher pode ser o que cada qual entender, incluindo cru, animalesco, ordinário, whatever....!!

R.I.P.per disse...

bem,claro esta q tens razao PI

a questao é um pouco como no sadomasoquismo em q o dominador é o dominado,os papeis invertem-s pra lem do OBVIO |-)

e sim,marrar c a parte sexual da coisa é ter vistas curtas e ser preconceituoso e dogmatico |-)

|-)
|-)

Pi disse...

"...dominador é o dominado,os papeis invertem-s pra lem do OBVIO "

Acabaste de fazer um desenho daquilo que escreveste.. =)

É que pronto, já disseste tudo... sendo assim, i rest my case! tá tudo explicado.. e brilhantemente.. eu gosto, vá...

meldevespas disse...

Quer-me parecer que o polo causador de tanta polemica e a imagem escolhida que logo a partida vulgariza um bocado.
o texto, por outro lado, nao me parece ordinario, ou brutal, ou wtv, apenas se trata de uma visao puramente masculina da coisa.
Digo eu, claro...

beijo